Faça o caminho inverso, ao invés de correr atrás de alguém que não está nem ai pra você corra em busca de si mesmo.

Música pra ouvir ao ler esse texto: The Story Never Ends – Lauv


Somos ensinados desde criança que pra coexistirmos em sociedade é necessário respeito, honestidade e autocontrole, mesmo que a prática seja diferente de toda teoria. Talvez, nesse momento entra um dos valores mais importantes, um valor que pode nos abalar de todas as formas quando adultos. Um valor que não possui formula exata pra ser ensinado ou seguido, não que os outros tenham, mas um valor que pode intensificar todos os seus membros, abalar todo o seu psíquico o futuro. AMOR PRÓPRIO.

Mas será que fomos ensinados a tê-lo? E se sim, o que acontece? Será que o perdemos pela rotina maçante que estamos inseridos? No fundo, talvez não pensemos nisso. 

Vemos várias historias de pessoas que correm atrás do @. Fazendo de tudo pra estar perto. Tentando estar em todos os lugares que o crush está. Tentando mostrar um pouquinho de quem elas são. Com pequenos gestos que pra eles são os mais estupendos. E em troca não recebem nada, nada, absolutamente nada. Vemos histórias de casais em que um tá ali sendo tudo e o outro nada. E isso ocorre também em relacionamentos de amizade.

Mas porque? Porque insistir onde você sabe que não terá retorno? Pra que insistir em pessoas que fogem de você? Você não sabe? É preciso acordar pra realidade, pra verdadeira situação das coisas. Não fique onde não há cultivo, não fique onde você já está sozinho. Pense em você. Não precisa ficar onde não precisam de você. É necessário tomar decisões. Mesmo que aparentemente você vá sofrer, alguns sofrimentos são precisos e momentâneos, só assim pra evitar uma dor muito mais intensa no futuro.

Não tenha medo de estar só. Ninguém está. Seja seu próprio sol, distribuindo vida, seja sua fotossíntese. Floresça. Faça o caminho inverso, ao invés de correr atrás de alguém que não tá nem aí pra você, corra em busca de si mesmo. Não esqueça de se amar. Corra em busca do seu amor próprio. Porque no fundo ele só tá escondido aí dentro de você. Esperando você abrir a porta.

Lineker Campos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close